Futuro Ministro da Saúde se reúne com entidades e profissionais da área

Fonte: DOC Press - Assessoria de Imprensa
14/12/2018

Luiz Henrique Mandetta (DEM-MS) esteve na Faculdade de Medicina da USP, em São Paulo, no dia 13 de dezembro, onde se reuniu com entidades e profissionais da área de Saúde. O diretor executivo Bruno Boldrin Bezerra representou a ABRAIDI.

Segundo o futuro Ministro da Saúde, a prioridade da gestão será o Sistema Único de Saúde, principalmente a atenção básica. Mandetta mencionou a incorporação de tecnologias pelo SUS, que será feito um modelo de compartilhamento de perdas e ganhos entre Governo e indústria, inspirado no que é feito hoje na Itália. Disse que não é possível realizar certas cirurgias abertas no SUS e que tecnologias de vídeo precisam ser analisadas para, eventualmente, serem incorporadas no sistema público.

 

img-noticia

Diante da previsão do futuro Ministro de que o sistema caminha para o colapso, por conta do aumento de custos, ele disse que “o compromisso assumido na Constituição Federal em relação à saúde é muito sério”, que não é possível andar para trás em relação ao SUS e que lutará “até o fim” pelo Sistema Único de Saúde. Mandetta citou compliance e governança no setor público e no privado como algo fundamental; falou que o MS irá dialogar com todos os setores de forma constante e ampliada; enfatizou a importância do setor estar unido, uma vez que todos são fundamentais e que não adianta pensar só em um elo da cadeia, deve-se pensar de forma macro.

No encerramento, o futuro Ministro afirmou que tem carta branca do presidente eleito Jair Bolsonaro para montar o Ministério e, se possível, todos os cargos serão técnicos.

 

Galeria de Fotos


Voltar
 
 
NEWSLETTER
 
NOTÍCIAS